O estimulo á pratica esportiva no Brasil

Pesquisa realizada pelo IBGE indica um dos possíveis motivos pelo qual determinados esportes tem menos praticantes no País.

          A PENSE (Pesquisa Nacional da Saúde do Escolar) em sua ultima versão, em 2012, avaliou a capital dos 26 estados e o Distrito Federal, analisando dados como: Quantidade de escolas publicas e privadas com quadra, pista de atletismo, piscina, oferta de atividades extra.

        Com relação á presença de quadras nas escolas, foi calculado que no Brasil uma média de 79,4% das escolas possuem quadras (nem todas poliesportivas), tendo destaque que 93,4% das escolas privadas podem contar com esse espaço. A região com menor percentual de quadras foi a Nordeste com apenas 50% e a região melhor estruturada nesse quesito foi a Sul com 96,4%.

          Escolas com pista de atletismo são vistas raramente, no Brasil apenas 1.9% das escolas das capitais contam com essa estrutura. As regiões sudeste e nordeste ficam abaixo da média nacional com apenas 1.2% e a região com maior índice é a Sul com 4.8% (24.8% das escolas particulares tem pista). Capitais como  Manaus, São Luis e Campo Grande tiveram valores nulos.

        Analisando os valores relacionados a quantidade de piscinas nas escolas, nota-se que a média nacional é de 6,7%, numero muito baixo devido a falta de estruturas nas escolas publicas. As únicas regiões acima da média nacional são a Sudeste e a Centro Oeste. O destaque negativo é para a região Sul. O fato de terem apenas 1.7% das escolas com piscina pode ter influência das temperaturas mais baixas durante boa parte do ano.

       A oferta de atividades extra nas escolas poderiam ter números mais expressivos. A média nacional ficou em 65.6% e somente a região Sul superou esse valor. Por se tratar de algo mais simples e com custo menor, seria possível com certa facilidade aumentar esses números.

          Tendo em vista os números citados, e o estudo de Alves et al. (2005) que encontrou resultados onde comprova que crianças e adolescentes ativos fisicamente tendem a ser adultos mais ativos, podemos talvez entender um pouco porque o Futebol e Futsal são tão praticados enquanto, atletismo e natação ficam muito abaixo. Seria isso algo cultural ou falta de estimulo?

          O estimulo para que nossas crianças a adolescentes tenham contato com diversas atividades pode motivá-las a reservar mais tempo da sua semana para um exercício físico, assim, preservando sua saúde e melhorando sua aptidão física ou ainda melhor, surgirem novos atletas que possam honrar nossas cores e trazer novas conquistas para nossa nação.

Referência da imagem: complexodecinderela.com

5 trabalhos científicos sobre Psicologia do Esporte para ler e/ou baixar, veja

Ler a matéria

Lei de Incentivo ao Esporte: Veja como estão as normas para 2020.

Ler a matéria

Ciência do Treinamento traz novidade exclusiva para os seguidores; Confira:

Ler a matéria