O que é Pace?

Escrito pelo Prof. Esp e MBA Danilo Luiz Fambrini

Atualmente o número de praticantes de corridas de rua tem aumentado de forma acentuada, e consequentemente o interesse por assuntos relacionados a esse meio são frequentes.

O estudo acerca do pace do corredor é muito escasso no meio científico, portanto, utilizaremos de relatos de professores e conceitos tradicionalmente utilizados para permitir um maior entendimento.

Um termo muito utilizado entre corredores é o Pace, que ao pé da letra significa “passo”, no entanto, dentro da corrida de rua, o Pace se refere ao ritmo de corrida empregado durante o trajeto.

Devemos nos atentar para outro termo utilizado por corredores, o “Pacer”. Apesar de muito parecidos, os termos tem significados distintos. O professor Alexandre Machado destaca os significados de ambos, onde relata que “Pace” se trata do ritmo de corrida, ou então, o tempo que o sujeito leva para completar um quilometro de corrida (Min/Km). Enquanto “Pacer” se trata de um corredor que dita o ritmo, podendo ser em prova oficial ou em treinamento.

A importância do Pace

De acordo com o professor Alexandre Machado, em seu blog, o pace é importante em treinamento, pois, auxilia o praticante a conseguir encontrar o ritmo adequado para a distância que irá percorrer, inibindo a ansiedade frequentemente encontrada em corredores iniciantes, que tendem a ter uma velocidade elevada de saída e terminam o trajeto exaustos.

Em competição, o pace determina o pelotão onde o corredor estará situado na largada, pois, a intenção é agrupar corredores com o mesmo ritmo de corrida.

Como calcular o Pace?

Para saber o seu pace é preciso medir o ritmo em minutos por quilômetro (min/km), ou seja, marcar em quanto tempo você percorre 1 km. Existem diversas fórmulas matemáticas que ajudam os corredores a descobrirem o ritmo ideal para cada tipo de prova. O treinador Nelson Evâncio, propõe o cálculo de VMA (Velocidade Máxima Aeróbica). Entenda:

>> Primeiro Passo Faça um teste de 3 km em pista e transforme o tempo total em segundos. Depois calcule seu pace na distância. Exemplo:

3.000 metros = 12 minutos 12, 60 segundos = 720 segundos 720 segundos divididos por 3.000 ou 3 km = 240 segundos/60 = 4’/km cada quilômetro.

>> A fórmula Hora de calcular seu ritmo ideal nas outras distâncias. A fórmula proposta é a seguinte: – 3 km/3.000 metros = 100% da VMA – 5 km/5.000 metros = 97% da VMA – 10 km / 10.000 metros = 93-94% da VMA – 21 km/ Meia-maratona = 88% da VMA – 42 km/ Maratona = 84% da VMA

>> Calculando o Pace (Tendo como base os 240 segundos mensurados acima).

Multiplicamos o valor em segundos por 1,00+ o valor decimal referente ao número de percentis reduzidos com o avançar das distâncias, por exemplo:

Observação: No caso de 21 km, a proposta é que seja de 88% da VMA, portanto, 100-88= 12 ou 0,12. Nesse caso o calculo seria de 240 segundos x 1,12.

– 5 km/5.000 metros = 240 segundos x 1,03 = 247 segundos = 4’07’’/km – 10 km/10.000 metros = 240 segundos X 1,07 = 257 segundos/km = 4’17’’/km – 21 km/Meia-maratona = 240 segundos x 1,12 = 269 segundos/km = 4’29’’/km – 42 km /Maratona = 240 segundos x 1,16 = 278 segundos/km = 4’38’’/km

Ainda está com dúvidas?

Confira o vídeo abaixo:

Quais regiões tem maior prevalência de lesões em corredores de rua amadores?

Ler a matéria

5 trabalhos científicos sobre Liberação Miofascial para ler e/ou baixar, veja

Ler a matéria

Estão abertas as inscrições para o Curso Online de Avaliação e Prescrição de Treinamento para Corrida de Rua

Ler a matéria