Obesidade e a natureza parabólica da curva de perda de peso: um padrão impositivo